Inicialmente implantada no prédio da Biblioteca Pública do Amazonas, em 1999, desde 2008 a Biblioteca Braille está instalada no Bloco C do Centro de Convenções – Sambódromo. Referência no Estado, o espaço tem o objetivo de integrar, promover e incluir pessoas com deficiência visual ao meio social, cultural, educacional e profissional, melhorando condições de vida, estudo e convivência para contribuir na elaboração de trabalhos e pesquisas.

A Biblioteca Braille dispõe de um acervo de mais de 50 mil obras entre livros digitalizados, livros falados, obras em Braille e filmes com audiodescrição. O espaço também disponibiliza estúdios de gravação, máquinas de escrever em Braille, computadores especiais, impressoras em Braille, scanners de voz e lupas eletrônicas.

Coordenada por um técnico com deficiência em audiovisual desde que foi fundada, a Biblioteca Braille já recebeu prêmios como a medalha da “Ordem do Mérito Legislativo do Amazonas”, em 2005, e o prêmio “Ser Humano Oswaldo Checcia” – prata na categoria Regional, em 2015, e na categoria Nacional, em 2016. Devido aos serviços oferecidos no espaço, mais de 50 pessoas com deficiência conseguiram aprovação em concursos e mais de 260 em vestibulares.

Serviços:
Consulta e empréstimo de livros em Braille e falados, transcrição de livros e apostilas em tinta para o sistema  Braille, gravação de livros e texto em formato MP3, além disso, promove cursos para deficientes visuais sobre diversos temas.

Espectadores/ Visitantes:
Cerca de 1,8 mil ao ano 


Funcionamento: 
Segunda a Sexta – 8h às 17h
Entrada Gratuita

Endereço:
Bloco C do Sambódromo – Av. Pedro Teixeira, 2565, Dom Pedro.


Contatos:
E-mail: braille@culturamazonas.am.gov.br
Telefone: (92) 3232-2488



Acessibilidade para deficientes físico, visual e auditivo